Em abril, vimos pelas redes sociais o rep?dio a xingamentos contra provocadores que foram ? manifesta??o da Av. Paulista com camisas do PT. Na ocasi?o, sites chapa-branca condenaram a intoler?ncia, a agressividade e a brutalidade dos que xingaram.

Ontem, no congresso do PT?-?cujo caderno de teses se intitula “Um Partido de Tempos de Guerra”?-?essa turma do v?deo, a?, foi l? no hotel em que se acontecia o?evento com camisas pr?-impeachmet (tamb?m em atitude provocativa) e a milit?ncia petista?partiu para a pancadaria.

S? que, agora, ao contr?rio de abril, para os pasquins da subservi?ncia estatal os culpados por tudo foram os provocadores e n?o os agressores, como demonstra essa postagem?do Di?rio do Centro do Mundo (com perd?o da p?ssima?indica??o de leitura).

“Nesse caso, a agress?o foi justa, n?o tem nada de ?dio ou irracionalidade, foi apenas a express?o da indigna??o contra o marginal que deveria estar preso por ter a petul?ncia de pedir o impeachment da presidenta”.

N?o ? interessante, isso?

Diga se esse pa?s n?o est? muito esquisito?